DC

DEFESA CIVIL - COMPDEC

DEFESA CIVIL - COMPDEC
AUGUSTO SÉRGIO LIMA DE ALMEIDA - CEL RR BM
ASSESSOR ESPECIAL

Amparo: Nomeação: 147/2021 - 23/01/2021

Matrícula: 004305

INFORMAÇÕES DO ORGÃO

CNPJ: ../-

Telefone: Sem Telefone

E-MAIL: defesacivil@abaetetuba.pa.gov.br

Horário: DAS 8H ÀS 18H DE SEGUNDA A SEXTA-FEIRA

Endereço: TRAVESSA JOSÉ LATINO LÍDIO DA SILVA, Nº 1497 - SANTA ROSA - CEP: 68.440-000

mais informações do orgão

INFORMAÇÕES DO ORGÃO

Missão
ESTAR PREPARADO PARA PROTEGER EM ÂMBITO MUNICIPAL A POPULAÇÃO E O MEIO AMBIENTE, PREVENIR E MINIMIZAR OS DANOS, SOCORRER E ASSISTIR POPULAÇÕES ATINGIDAS, REABILITAR E RECUPERAR ÁREAS DETERIORADAS POR DESASTRES.
   
Visão
SER CONHECIDO COMO UM ÓRGÃO MUNICIPAL DE EXCELÊNCIA E REFERÊNCIA NACIONAL NA GESTÃO DE SISTEMAS DE DESASTRES, COM O EMPREGO DE TECNOLOGIAS AVANÇADAS E PROFISSIONAIS CAPACITADOS COM EFICIÊNCIA E EFETIVIDADE.
   
Valores
A DEFESA CIVIL ESTÁ COMPROMISSADA EM CONCENTRAR SUAS ATIVIDADES AO BEM ESTAR DA POPULAÇÃO, BASEADA NOS VALORES ESSENCIAIS DA VIDA DE UM SER HUMANO: RESPEITO, HONESTIDADE, TOLERÂNCIA, CORAGEM, SENSO DE JUSTIÇA, DISCIPLINA, SOLIDARIEDADE, CARIDADE, SINCERIDADE, SIMPLICIDADE E IGUALDADE. CUMPRINDO OS PILARES DOS PRINCÍPIOS ADMINISTRATIVOS BRASILEIROS: LEGALIDADE, IMPESSOALIDADE, MORALIDADE, PUBLICIDADE E EFICIÊNCIA.
   
Propósito
COMISSÃO MUNICIPAL DE PROTEÇÃO E DEFESA CIVIL DE ABAETETUBA
A POLÍTICA NACIONAL DE PROTEÇÃO E DEFESA CIVIL – PNPDC, INSTITUÍDA PELA LEI Nº 12.608 DE 10 DE ABRIL DE 2012, PUBLICADA NO DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO Nº 70, DE 11 DE ABRIL DE 2012, TRAZENDO EM SEU TEOR TEXTUAL, OS PRINCÍPIOS, OS OBJETIVOS, OS INSTRUMENTOS DE COMO A GESTÃO DE RISCOS E A GESTÃO DE DESASTRES DEVEM SER IMPLEMENTADAS NO BRASIL, COM O PROPÓSITO DE ASSEGURAR CONDIÇÕES SOCIAIS, ECONÔMICAS E AMBIENTAIS ADEQUADAS PARA GARANTIR A DIGNIDADE DA POPULAÇÃO E GARANTIR A PROMOÇÃO DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL. NO MUNICÍPIO DE ABAETETUBA, RESPALDADA PELO DECRETO MUNICIPAL Nº 205/2014 DE 04 DE JANEIRO DE 2014, SURGIU A COORDENADORIA MUNICIPAL DE PROTEÇÃO E DEFESA CIVIL – COMPDEC, QUE ENTRE SEUS OBJETIVOS, BUSCA A INTERAÇÃO E INTEGRAÇÃO DE GOVERNO, SOCIEDADE E POPULAÇÃO, FRENTE AOS RISCOS, AMEAÇAS E VULNERABILIDADES EM DESASTRES, COM O INTUITO DE PROMOVER PREVENÇÃO, PREPARAÇÃO, RESPOSTAS E RECONSTRUÇÃO FRENTE A DESASTRES NATURAIS OU CAUSADOS PELO HOMEM, PREPARANDO A ESTRUTURA MUNICIPAL PARA ATUAR E DIRIMIR OS IMPACTOS SOCIOECONÔMICOS, FINANCEIROS E PSICOLÓGICOS E HUMANOS NO CASO DE DESASTRES.
PARA UM MELHOR E MAIOR ENTENDIMENTO ACERCA DA RELEVÂNCIA DO QUE VEM A SER A DEFESA CIVIL EM ÂMBITO GERAL, FAZ-SE NECESSÁRIO A APRESENTAÇÃO DE ALGUMAS DEFINIÇÕES DE TERMOS OU EXPRESSÕES QUE ESTÃO DIRETAMENTE RELACIONADOS À DEFESA CIVIL. DENTRE ESTAS TEMOS:
DEFESA CIVIL: CONJUNTO DE AÇÕES PREVENTIVAS, DE SOCORRO, ASSISTENCIAIS E RECUPERATIVAS, DESTINADAS A EVITAR OU MINIMIZAR OS DESASTRES, PRESERVAR O MORAL DA POPULAÇÃO E RESTABELECER A NORMALIDADE SOCIAL.
DESASTRES: RESULTADOS DE EVENTOS ADVERSOS, NATURAIS, OU PROVOCADO, CAUSANDO DANOS HUMANOS, MATERIAIS E AMBIENTAIS, E CONSEQUENTEMENTE PREJUÍZOS ECONÔMICOS E SOCIAIS.
RISCO: MEDIDA DE DANOS OU PREJUÍZOS POTENCIAIS, EXPRESSA EM TERMOS DE PROBABILIDADE ESTATÍSTICA DE OCORRÊNCIA E DE INTENSIDADE OU GRANDEZA DAS CONSEQUÊNCIAS PREVISÍVEIS. É A RELAÇÃO EXISTENTE ENTRE A PROBABILIDADE DE UMA AMEAÇA DE EVENTO ADVERSO OU ACIDENTES DETERMINADOS SE CONCRETIZEM, COM O GRAU DE VULNERABILIDADE DO SISTEMA RECEPTOR A SEUS EFEITOS.
VULNERABILIDADE: EXPOSIÇÃO ECONÔMICA E AMBIENTAL DE UM CENÁRIO SUJEITO À AMEAÇA DO IMPACTO DE UM EVENTO NATURAL, TECNOLÓGICO OU DE ORIGEM ANTRÓPICA.
ALÉM DOS TERMOS OU EXPRESSÕES RELATIVAS À DEFESA CIVIL, TAMBÉM É DE EXTREMA IMPORTÂNCIA TER CONHECIMENTO SOBRE AS AÇÕES OPERACIONAIS DIRECIONADAS PELA MESMA. AÇÕES ESSAS DISPOSTAS PELA POLÍTICA NACIONAL DE PROTEÇÃO E DEFESA CIVIL – PNPDEC, QUE ESTABELECE AS DIRETRIZES QUANTO A PROTEÇÃO E DEFESA CIVIL EM TODO O TERRITÓRIO NACIONAL, DESTA FORMA, ABRANGENDO AS SEGUINTES AÇÕES DE:
PREVENÇÃO: MEDIDAS E ATIVIDADES PRIORITÁRIAS, ANTERIORES À OCORRÊNCIA DO DESASTRE, DESTINADAS A EVITAR OU REDUZIR A INSTALAÇÃO DE NOVOS RISCOS DE DESASTRES.
PREPARAÇÃO: MEDIDAS E ATIVIDADES, ANTERIORES À OCORRÊNCIA DOS DESASTRES DESTINADOS A OTIMIZAR AS AÇÕES DE RESPOSTA E MINIMIZAR OS DANOS E AS PERDAS DECORRENTES DO DESASTRE.
MITIGAÇÃO: MEDIDAS E ATIVIDADES IMEDIATAMENTE ADOTADAS PARA REDUZIR OU EVITAR AS CONSEQUÊNCIAS DO RISCO DO DESASTRE.
RESPOSTA: MEDIDAS EMERGENCIAIS, REALIZADAS DURANTE OU APÓS O DESASTRE, QUE VISAM AO SOCORRO E À ASSISTÊNCIA DA POPULAÇÃO ATINGIDA E AO RETORNO DOS SERVIÇOS ESSENCIAIS.
RECUPERAÇÃO: MEDIDAS DESENVOLVIDAS APÓS O DESASTRE PARA RETORNAR À SITUAÇÃO DE NORMALIDADE, QUE ABRANGEM A RECONSTRUÇÃO DE INFRAESTRUTURA DANIFICADA OU DESTRUÍDA, E A REABILITAÇÃO DO MEIO AMBIENTE E DA ECONOMIA, VISANDO AO BEM-ESTAR SOCIAL.
   

RELATÓRIO ANUAL DA DEFESA CIVIL - COMPDEC - DEFESA CIVIL - COMPDEC

DECRETOS DA COVID-19 - DEFESA CIVIL - COMPDEC

NOTÍCIAS MAIS RECENTES
#abaetetuba

Janeiro Branco - 5 dicas para cuidar da sua saúde mental.

A campanha Janeiro Branco tem como objetivo chamar a atenção para as questões e necessidades relacionadas à saúde mental e emocional das pessoas.

Há 183 dias

#AssistênciaSocial

INFORMA

Programa de renda mínima pretende alcançar 1 mil famílias em vulnerabilidade social e reduzir os impactos da pandemia sobre a economia local

Há 334 dias

#Cultura

XVII MiritiFest: tradição cultural abaetetubense está de volta

Em formato híbrido, o festival adapta-se ao contexto de pandemia e leva universo colorido do miriti para a internet

Há 1 ano(s)

#COVID-19

Secretaria de Assistência realiza entrega de cestas básicas

Famílias impactadas pela pandemia receberam mantimentos

Há 1 ano(s)

Qual o seu nível de satisfação com essa página?


Muito insatisfeito

Um pouco insatisfeito

Neutro

Um pouco satisfeito

Muito satisfeito